Juro que não vou contar  a ninguém

nem a ti, nem ao pai, nem à mãe

Se é um segredo ... fica comigo

Se contar ...fico de castigo

Boca fechada ...

daqui não sai nada...

Segredo é segredo

e...segredo é....

segredo!

(cantilega de teatrinho "A menina que não sabia o que era o medo")

publicado por lapiseira às 22:16